Blog fios Pingouin

Banco de tear – Banquinho Trama- Feito com fio MACRAMÊ

Marcenaria + tear: Confira o passo a passo de um banco de tear feito com o fio Macramê do projeto maker. Receita grátis!
banco de tear

Com um pouquinho de marcenaria e tear, que tal criar um banco de tear cheio de tramas e nós para sua casa? A Carol do @meiofio_ trouxe para nosso ateliê Pingouin, o Projeto Maker, e hoje compartilhamos com você, o passo a passo do “Banquinho Trama”. 

banco de tear

Confira a seguir a receita gratuita desse banco de tear, repleto de dicas de marcenaria e composições com o fio macramê no tear, misturando cores e amarrações para você criar um assento com desenhos e texturas personalizadas. 

banco de tear

 

MATERIAL

Fio Macramê. 1 novelo de 200g é o suficiente para a técnica, mas ficará muito mais divertido misturando cores. No nosso banquinho usamos AREIA DA PRAIA 4751, JUVENTUDE 8625 e PAPOULA 1323.

3 cabos de vassoura

1 caibro de 5x5x160cm

Cola branca e cola universal.

 

EQUIPAMENTOS

Para marcação: lápis, trena, martelo e prego

Furadeira com broca chata 7/8

Serrote ou serra tico-tico.

Para acabamento: lixa e grosa.

Tesoura

 

MARCENARIA MEDIDAS

– Corte os cabos de vassoura em 8 partes de 38 cm

– Corte o caibro em 4 partes de 40cm

 

ASSENTO TRAMADO

Urdidura (base estrutural de nossa tecitura):

corte 20 fios de 1,5m

Para amarrar na estrutura: dobre ao meio, passe por cima da madeira e encaixe na argolinha formada.

Para o outro lado, iremos simular a mesma amarração. Para isso, passe por cima da madeira os dois fios. Conforme a foto, sobreponha o fio de um lado para o outro e amarre. Visualize melhor na vídeo aula disponível no IGTV da @fiospingouin.

Deixe as franjas dos dois lados. Para isso, inicie as amarrações de forma alternada um a um.

Deixe a distância de aproximadamente 1 dedo a cada fio.

 

Trama

podemos fazer diversos tipos de amarrações para criar texturas. O importante é entender que o que dará firmeza para o nosso assento é alternar o posicionamento da trama entre a urdidura (fios iniciais).

Para prender, faremos com a mesma orientação dos fios da urdidura.

Com os fios organizados em dupla, vamos passar por cima e por baixo da urdidura. No fio seguinte, faça o mesmo invertido, isso é, o que no fio anterior estava por cima agora passe o próximo por baixo. Veja a foto.

Para ficar mais interessante, vamos misturar texturas? Na vídeo aula, explicamos duas outras formas de tramar. A primeira trabalhando fio a fio e a segunda criando uma “corrente” retornando e passando no meio.

Perceba que não estamos te passando quantidades de fios. Você irá escolher conforme a textura desejada.  Para tramas simples, corte 1,5m e trabalhe com ele dobrado como na urdidura. Para a “corrente”, será necessário cortar 2,5m. 

Para ver fotos de todo o processo e passo a passo detalhado, baixe agora seu ebook com a receita grátis no final da página.

E se você ainda não conhece o fio MACRAMÊ, saiba que ele é um fio desenvolvido pela Pingouin, exclusivo para a técnica, pois foi pensando em dar mais personalidade às suas peças.

macramê

E a Carol também disponibilizou uma vídeo aula com todo esse passo a passo para te ajudar principalmente na hora da marcenaria.

Em breve o vídeo estará no Youtube da Pingouin.

Gostou? Deixe aqui nos comentários, sugestões de outras peças em Macramê que você gostaria de ver aqui no nosso blog! 

E se fizer, nos marque nas suas redes sociais pois adoramos ver o trabalho de vocês!

Feito com amor, Feito com MACRAMÊ, Feito com Pingouin.

Informações Técnicas fio MACRAMÊ

Composição 100% Algodão/ 200g/ 75m/ TEX 2655/ 12 cores

 

À venda nos melhores armarinhos ou no nosso e-commerce.

Compartilhe
Share on facebook
Share on pinterest
Share on email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima